domingo, 28 de novembro de 2010

AS FANTÁSTICAS "FILMAGENS" DO CÉU ESTRELADO NA TÉCNICA DE VÍDEOS TIME-LAPSE

.

Vídeos em TIME-LAPSE

Time-lapse é uma técnica na qual se fotografa uma mesma cena em determinados intervalos, criando uma ilusão no tempo. Depois as fotos são montadas sequencialmente quadro a quadro para dar a ilusão de um filme.

.
video
.
Céu estrelado do lado Sul, em vídeo time-lapse feito num local próximo à Coonabarabr, Austrália, em março de 2008. A "mancha" negra ao centro da Via Láctea, é o chamado "Saco de Carvão", situado junto ao Cruzeiro-do-Sul.
.
Criar vídeos em TIME-LAPSE
A técnica é simples, mas requer-se paciência. Para registrar as imagens você pode usar uma webcam com tripé e o programa Yet Another WebCAM Software, uma opção gratuita para gravar as fotos automaticamente. Pode-se usar também uma câmera digital ou programa para celular que faça registros sequênciais, que permitem fazer registros com maior qualidade artística.

O intervalo entre as fotos depende do tamanho do filme que você quer fazer. Pode-se fazer um vídeo, p. ex., com fotos em intervalos de 10 minutos entre cada quadro. Para registrar eventos mais rápidos, o intervalo de 1 segundo pode ser suficiente. Depois é só juntar tudo em um filme. O softwares a ser usado pode ser o da Adobe, Premiere CS 3. Alguns sites sugerem o uso do Quicktime Pro, mas até o Windows Movie Maker faz esse serviço. É só importar as fotos no programa e aumentar a velocidade de exibição.

Há câmeras fotográficas da Cannon, que têm um hack nelas que permite criar até scripts em BASIC para tirar fotos em determinados tempos. Outras Câmeras possuem modo Burst.

.


video
.
Vídeo time-lapse feito na Austrália, mostrando a rotação do céu estrelado em torno do eixo celeste Sul. Notar à esquerda uma "mancha" clara, a Grande Nuvem de Magalhães. A "mancha" negra que desce do alto do lado direito do vídeo é o já citado "Saco de Carvão", situado junto ao Cruzeiro-do-Sul.
.

. video
.
Vídeo time-lapse mostrando o nascimento da Via Láctea sobre Gold Coast of Queen. Notar os relâmpagos junto ao horizonte direito
.

video
.
Vídeo time-lapse mostrando céu estrelado sobre Fort Davis, Texas, usando uma lente olho-de-peixe 15mm.
.
video
.
Vídeo time-lapse mostrando o céu estrelado em alta rotação. Acima da casa a aurora aparece por um curto período de tempo. A filmagem está em rotação acelerada, e as luzes que passam rápidas pelos céu são aviões, satélites e meteoritos. Alguns pontos luminosos imóveis no céu são manchas na lente ou reflexo em vidraça.
.
video
.
Curioso vídeo-time-lapse mostrando a Via Láctea e a estrela Alpha Centauri. As fotos foram feitas com lente olho-de-peixe. As duas "manchas" brancas abaixo da Via Láctea são a Pequena e a Grande Nuvem de Magalhães.
.

video
.
Belíssimo vídeo em técnica time-lapse, mostrando uma noite de verão e Lua Nova, com o nascimento da Via Láctea, feita com o telescópio de 1.8 metros do Observatório Spacewatch.
.

video
.
Montagem com três vídeos em técnica time-lapse mostrando o céu noturno sobre a Namíbia, África meridional. No segundo vídeo, vê-se a constelação de Escorpião se elevando no céu. Sobre o horizonte oeste, vê-se o clarão difuso da Luz Zodiacal (aos 10 segundos). A terceira vista mostra a rotação aparente de céu em torno do Polo Sul celeste. Não há nenhuma estrela brilhante do polo no hemisfério do sul, mas se pode ver as Nuvens de Magalhães e galáxias vizinhas escondendo atrás das árvores. A constelação que passa acima do horizonte do lado direito é a Ursa Maior.
.

video
.
Vídeo time-lapse mostrando o centro da Via Láctea, em fotos feitas no observatório A.S.I.G.N. A constelação que desce sobre a cúpula do observatório é a de Escorpião.
.

video
.
Belíssimos vídeos time-lapse mostrando a Via Láctea, em fotos feitas com o telescópio do observatório Paranal, Chile. No segundo vídeo, vê-ses a Pequena e a Grande Nuvem de Magalhães à esquerda da cúpula do observatório.
.

video
.
Vídeos em técnica time-lapse mostrando a passagem da Via Láctea.
.
video
.
Via Láctea e Luz Zodiacal sobre os vulcões Parinacota and Pomerape, Cordilheira dos Andes, Lauca National Park, na fronteira entre Bolívia e Chile.
.
video
.
Vídeo na técnica time-lapse feito no observatório chileno de Paranal.
.
video
Eclipse Total da Lua - 27 de outubro de 2004.
.

2 comentários:

  1. Adorei!
    Como configuro a máquina para a foto do céu ficar tão claro assim?
    Temos uma Canon SX30IS
    alexandre.suarte@gmail.com

    ResponderExcluir
  2. Você, naturalmente, Xande, não pode fotografar no modo manual, mas geralmente usar a abertura máxima do diafragma para assim captar bastante luz, e usar uso de no mínimo 400, além do indispensável tripé. Para que a foto não mostre as estrelas em seu "movimento", coloque o tempo de exposição (timer) para no máximo 15 segundos. Isto é o mínimo exigido para fotos do céu estrelado. Procure no Google sites que ensinem isso, e há vários, e vc poderá se aprofundar no assunto. Sucesso!

    ResponderExcluir